Ganhador não resgata prêmio da Mega da Virada e perde R$ 162 milhões

Prazo para resgate terminou na última quarta-feira (31), três meses após o sorteio especial

Um dos ganhadores do prêmio principal da Mega da Virada 2020 não apareceu para solicitar o resgate dentro do prazo de 90 dias, que terminou na última quarta-feira (31). Com isso, o apostador perde sua parte da premiação, que era de R$ 162 milhões. 

 

No sorteio da maior loteria brasileira, que aconteceu em 31 de dezembro, duas apostas foram contemplados na primeira faixa, sendo uma presencial, feita em Aracaju (SE), e outra online, feita em São Paulo (SP). 

 

A parte da premiação não resgatada é a do morador da capital paulista. Até a quarta-feira, último dia do prazo, havia uma grande expectativa de que o apostador pudesse aparecer para reclamar o prêmio. Nesta quinta-feira (01), no entanto, veio a confirmação de que o ganhador não fez o resgate. 

 

Assim, este se torna o maior prêmio não resgatado da história das loterias do Brasil. Para se ter uma ideia, ao longo de todo o ano de 2020, todos os prêmios "esquecidos" pelos apostadores somaram R$ 311 milhões. Essa única premiação não resgatada da Mega da Virada, portanto, já representa mais da metade disso.  

 

O que acontece com o dinheiro?

 

Todas as loterias, incluindo os concursos especiais, têm o prazo de 90 dias para retirada das premiações. São considerados os dias corridos, sempre a partir da data da realização dos sorteios. 

 

A Caixa determina previamente nas regras dos jogos o que acontecerá com eventuais valores não resgatados - e o procedimento é o mesmo para todos os concursos disputados em território nacional. 

 

Todos os prêmios não resgatados pelos apostadores são encaminhados ao Tesouro Nacional, que faz sua aplicação no FIES (Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior). Este dinheiro, portanto, será direcionado à educação. 

 

Como resgatar prêmios das loterias?

 

O resgate de premiações de apostas feitas diretamente com a Caixa pode ser feito em agências bancárias ou unidades lotéricas da estatal, dependendo do valor com o qual o apostador foi contemplado. 

 

Para fazer a solicitação, é necessário levar documentos pessoais e o comprovante de aposta (no caso de jogos feitos presencialmente) ou o código de resgate (para apostadores que jogaram pelo site da empresa). 

 

Quando as premiações são de até R$ 1.903,38, os valores podem ser resgatados em tanto em unidades lotéricas quanto em agências bancárias. Prêmios de valores mais elevados podem ser retirados somente nas agências da Caixa.

 

Se os valores forem iguais ou superiores a R$ 10 mil, a premiação não é recebida na hora. Em casos desse tipo, é necessário aguardar dois dias para retirar o dinheiro.

 

Caso faça apostas pelo site da Caixa, é importante saber que a estatal não envia qualquer tipo de notificação para os ganhadores. Portanto, nestas situações, é sempre necessário conferir seus resultados manualmente.

 

Apostas online com prêmios diretamente na conta

 

Se quiser receber seus prêmios de forma automática, evitando qualquer tipo de problema na hora do resgate, o Sorte Online é a melhor solução. Todas as apostas feitas aqui caem diretamente na conta de usuário do apostador. 

 

Em um primeiro momento, os prêmios são depositados em forma de créditos no site, que podem ser usados para novas apostas. Entretanto, caso queira receber em dinheiro, tudo que o apostador precisa fazer é solicitar o resgate e indicar uma conta bancária. Em poucos dias o valor será depositado, sem necessidade de deslocamento a qualquer ponto físico. 

 

No Sorte Online você pode escolher entre as diversas opções de bolões das loterias ou fazer apostas individuais, em que escolhe seus próprios números e com quantas dezenas vai concorrer.